Pesquisar

domingo, 10 de maio de 2009

10 ANOS DE HISTORIA



Foi criada no ano de 1999 na Administração do então Prefeito Ednardo Moura e que leva o nome de uma ex-músico e conhecido cidadão patuense que é um dos remanescentes ainda vivo da ultima Banda de Música existente em Patu a qual se chamava os AMIGOS DO PROGRESSO que é o Sr Luiz de França Dantas ou mais conhecido como o Sr. Luiz de Tutu, residente na Av Lauro Maia, onde até hoje reside, tendo a frente dos trabalhos para formação de Alunos e Integrantes desta referida banda, o Maestro Francisco Josineudo, banda essa que estava subordinada a secretaria de Educação, a qual era comandada pela secretária Francisca Linderleide mais conhecida como Leleida, com isso mais de 80 pessoas se escreveram e começaram a ter aulas de música teórica e prática na Escola Estadual João Godeiro, local esse que deu início a formação da banda no dia 06 de abril de 1999.
Com o passar dos meses o maestro Francisco Josineudo(1999 a 2004) da cidade de Jaguaruana-Ce através de seu trabalho foi dando forma e perfil a Banda de Música a qual disponibilizava de cerca de mais de 40 Componentes efetivos os quais se reversavam durante as apresentações na cidade região. No tocante a parte física e material da banda a mesma disponibilizava cerca de 27 Instrumentos de sopro (metais e palhetas) e mais a parte percussiva, totalizando cerca de 32 instrumentos disponibilizados para a prática da música.
Em setembro do mesmo referido ano (1999) foi realizada uma formatura um ato solene na Boite Pantano que contou com a presença da população e demais autoridades responsáveis a qual foi entregue para cada aluno um Certificado de conclusão do Curso de música, dando ao alunado da Banda a forma concreta de estar apto a desempenhar um trabalho árduo, prazeroso, e de grande significância para a sociedade, que é fazer Música . A partir disso a banda devidamente formada, começou a participar de eventos inter-estaduais, como apresentações na cidade de Natal-RN no evento realizado pelo Governo do Estado UM PRESENTE DE NATAL, e no Teatro Alberto Maranhão, Brejo do Cruz – PB, São Bento –PB, Jaguaruana –CE, Apodi-RN, Mossoró-Rn, Caraúbas-RN, Cruzeta-RN, dentre outras.
No ano de 2000 a 2008 sobre nova administração pública tendo a frente o Prefeito Possidônio Queiroga a banda acompanhou tal renovação e passou a ser Regida pelo Maestro Francisco Janilson(2004 até hoje) da cidade de Apodi-RN, e também passou aos cuidados da secretaria de Cultura sobre a tutela do secretário Ricardo Veriano, passando por várias inovações como tal novo fardamento, nova sede, disponibilização de aquisição de novos instrumentos, dentre outras inovações.
Sendo peça fundamental na Festa de Padroeiro da cidade a banda de música passou a ter destaque no senário regional sendo matéria da revista PRÉ-A da Fundação Roberto Marinho interligada ao Governo do Estado.
Atualmente ainda na regência do Maestro Francisco Janilson a banda está firme e forte tentando de uma maneira ou outra mostar seu real valor a população de Patu e também a nível estadual, esta qual é um símbolo vivo e ficará presente e marcado para sempre na história da cidade de Patu, aqueles que já fizeram parte da banda e que por motivos superiores não fazem mais parte dela, todos os alunos hoje que fazem parte desse orgulho da cidade que é a nossa querida Banda de Música Luiz de França Dantas, nossos singelos agradecimentos pela contribuição que foi dada e pela as amizades construídas, aos que contribuíram para o engrandecimento desta banda também nos cordiais votos de agradecimento.
Aos alunos Wellington Ferreira Aragão, Marcelo Alves Pereira, Marcos Alves Pereira, José Jefferson Delfino, Mário Sérgio Clemente, Wagner Viana Cortez, Emanoel Barbosa homenagem está por serem os únicos Músicos ainda em atividade que fizeram parte da 1ª formação da Banda Luiz de França.
BANDA DE MÚSICA LUIZ DE FRANÇA DANTAS
10 ANOS – RESGATANDO A SUA HISTÓRIA
Wagner Viana ...

Um comentário:

Mensageiros da fé disse...

parabéns para a banda e para todos os músicos da mesma.
"música é vida interior, quem tem essa vida jamis padecerá de solidão"